Com problemas no ataque, principalmente com a contusão de Felipe Vizeu, o Grêmio vai atrás de um reforço no mercado. O atacante Luciano, que estava no Fluminense, é o alvo da vez da diretoria e deve ser a nova contratação para o time de Renato Portaluppi.

Rescisão 

Nesta sexta-feira (26), o jogador teve a rescisão de contrato oficializada, já publicada no BID. Assim, ele não é mais jogador do Tricolor carioca e está próximo de fechar com o Grêmio. Neste ano, Luciano era o artilheiro da equipe e um dos mais importantes do grupo, com 15 gols marcados. Em sua passagem pelo Flu, o jogador disputou 55 partidas e marcou 20 gols. A insatisfação com os salários atrasados motivaram o atacante a mudar de clube.

Contratação 

Após a baixa de Felipe Vizeu, com lesão no joelho, e a pouca satisfação da torcida com André, o Grêmio teve que correr para contratar um novo atacante. Luciano, que já estava de saída do Fluminense, tinha negociações avançadas com o Atlético-MG. O Grêmio, no entanto, entrou na disputa e venceu na compra dos 50% de direitos econômicos do atacante do Leganés. O time espanhol ficará com a outra fatia dos direitos. Os valores da venda estão em cerca de 1 milhão de euros (R$ 4,2 milhões). 

O jogador não completou as sete partidas no Fluminense pelo Brasileirão, e portanto, está disponível para disputar a competição pelo Grêmio. Em contrapartida, não poderá disputar a Copa do Brasil por já ter entrado em campo pelo Fluminense. Na Libertadores, ele entrará na lista de inscritos em caso de classificação contra o Libertad.

Na próxima quinta-feira (1), o Tricolor enfrenta os paraguaios em Assunção, no estádio Defensores del Chaco , às 21h30, no jogo de volta das oitavas. O Grêmio pode perder por até um gol de diferença que ainda assim avança às quartas de final da Libertadores.