Nesta quinta-feira (25), na Arena, o Grêmio venceu o Libertad por 2 a 0 na partida de ida das oitavas de final da Libertadores. Os gols, marcados no segundo tempo, saíram com Diego Tardelli e David Braz. O jogo de volta será na próxima quinta-feira (1), às 21h30, em Assunção, no Paraguai. O Tricolor Gaúcho poderá perder por um gol de diferença que avança às quartas de final. 

Apostas 

Nas casas de apostas, o triunfo do Grêmio rendeu pelo menos R$ 1,55 para 1 ao apostador. Como por exemplo na Rivalo, que oferecia R$ 6,50 para 1 em caso de vitória do visitante. O empate foi cotado em R$ 3,80 para 1Saiba como apostar no Grêmio. 

O jogo

Primeiro tempo 

O Tricolor entrou em campo a fim de marcar um gol logo no início e, assim sendo, adiantou as linhas para recuperar sempre a bola rapidamente. Embora tivesse pressionado, o Libertad fazia bons desarmes e evitava os ataques gremistas. Aos 4 minutos, Everton recebeu na área, limpou para o meio e bateu no canto, obrigando Martín Silva a defesa na primeira finalização certa do Grêmio na etapa. 

Depois da superioridade no jogo do Grêmio, o Libertad conseguiu administrar melhor a posse de bola e chegou um pouco mais no campo ofensivo. Porém, não ofereceu perigo e de novo recebeu a pressão do time de Renato Gaúcho. Aos 28 minutos, Maicon finalizou na entrada da área e após desvio no meio do caminho, Martín Silva interviu novamente e mandou para a linha de fundo. 

Em resumo, o Grêmio ficou em cima durante a maior parte do primeiro tempo. O time colocou seu estilo de jogo em prática, com muito passes em velocidade, mas apresentou um velho problema, a falta de finalizações. Com a pouca contundência, o Tricolor trocou 305 passes e concluiu em 6 oportunidades, sendo só duas na direção do gol. 

Segundo tempo 

Da maneira que encerrou a primeira etapa, o Grêmio começou a segunda, pressionando. Logo no início, chances foram criadas, mas de novo o Tricolor não aproveitou. Para dificultar as coisas, um cartão vermelho, após revisão do VAR, tirou Pedro Geromel da partida. O zagueiro chegou atrasado com a sola no atacante paraguaio e foi expulso aos 7 minutos. 

No entanto, o Grêmio continuou buscando o gol, apesar de ver o Libertad fazer uma ótima marcação. O jogo ficou truncado no meio de campo e Renato teve que fazer mudanças que definiriam a partida. Na primeira, André saiu para a entrada de David Braz reestruturar a defesa. Depois Jean Pyerre deu lugar a Diego Tardelli assumir o ataque gremista. 

Foi então que o Tricolor encontrou o gol que abriu o placar, aos 26 minutos. Alisson levantou a redonda na área em cobrança de escanteio e Kannemann fez o leve desvio para o meio. Tardelli, que quase não foi relacionado para o jogo, estava no local certo para concluir e balançar as redes. 

Libertad então teve que sair mais para o ataque. Contudo, sem muita qualidade e formação tática para construir boas jogadas, poucas chances foram produzidas. Na melhor chegada nesse hiato, Espinoza cruzou pela esquerda e Cortez desviou contra, na direção de Paulo Victor. 

A situação ficou mais confortável aos 39 minutos, quando o placar foi ampliado da mesma forma que o primeiro gol, em bola parada. Alisson cobrou a falta pela meia esquerda e David Braz desviou de cabeça no cantinho do goleiro Martín Silva. 

Por mais que tivesse um a menos em campo, o Grêmio fez dois gols na metade final da partida e abriu boa vantagem para o jogo de volta.